Populares protestam em Roxbury

 

Populares manifestaram-se frente à esquadra da polícia de Roxbury num protesto contra a decisão do Tribunal de Dorchester de libertar o guarda Domenic A. Columbo, 39 anos, que é acusado de condução automóvel negligente e embriagado de que resultaram dois feridos graves . “Se fosse um de nós, sería demitido. Mas ele foi para casa e recebe uma licença administrativa paga que é inaceitável”, disse Monica Cannon-Grant, que organizou o protesto.

A polícia disse que Columbo estava fora de serviço e conduzia o seu pickup truck quando colidiu com um automóvel no cruzamento da Columbia Road e Ceylon Street, em Dorchester, de acordo com um relatório da polícia. Testemunhas do acidente às 3:30 da madrugada do dia 1 de janeiro disseram que o veículo ia muito rápido. Os testes policiais revelaram que Columbo tinha álcool no sangue de 0,11 ou mais no momento do acidente e o limite legal é 0,08.

O polícia, que sofreu fratura de uma vértebra no escoço e uma laceração na cabeça, volta a tribunal dia 23 de março.

Dos ocupantes do carro, o condutor, José Andrade dos Santos, 20 anos, sofreu uma lesão na clavícula e pequenas escoriações, mas o passageiro, José Teixeira, 21 anos, está no Boston Medical Center e sofreu cirurgias cranianas, na bacia, numa perna, no rim e braço.